UTILIZAÇÃO DA MADEIRA NA CONSTRUÇÃO CIVIL



           Construção civil pesada interna

           Engloba as peças de madeira serrada na forma de vigas, caibros, pranchas e tábuas utilizadas em estruturas de cobertura, onde tradicionalmente era empregada a madeira de peroba-rosa (Aspidosperma polyneuron).




          Construção civil leve externa e leve interna estrutural

           Reúne as peças de madeira serrada na forma de tábuas e pontaletes empregados em usos temporários (andaimes, escoramento e fôrmas para concreto) e as ripas e caibros utilizadas em partes secundárias de estruturas de cobertura. A madeira de pinho-do-paraná (Araucaria angustifolia) foi a mais utilizada, durante décadas, neste grupo.




          Construção civil leve interna decorativa

           Abrange as peças de madeira serrada e beneficiada, como forros, painéis, lambris e guarnições, onde a madeira apresenta cor e desenhos considerados decorativos.




          Construção civil leve interna de utilidade geral

           São os mesmos usos descritos acima, porém para madeiras não decorativas.


          Construção civil leve, em esquadrias

           Abrange as peças de madeira serrada e beneficiada, como portas, venezianas, caixilhos. A referência é a madeira de pinho-do-paraná (Araucaria angustifolia).




          Construção civil assoalhos domésticos

           Compreende os diversos tipos de peças de madeira serrada e beneficiada (tábuas corridas, tacos, tacões e parquetes).


          Outros setores:

           Com as mais diversas aplicações, a madeira sempre agrega ao produto um aspecto mais sofisticado.



           Por possuir característica adsorvente, a madeira eleva a sua aderência a superfície quando molhada. Por esse motivo, os bombeiros não permitem a aplicação de pinturas e/ou vernizes em corrimãos ou laterais de escadas móveis. Esse fato os lenhadores têm o hábito de cuspir nas mãos antes de utilizar o machado.




      Fonte:
      MADEIRA, Uso sustentável na construção civil. 2009, IPT – Inst. de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo S. A.